social poems
(poemas feitos diretamente na tela do editor de imagens, em que o jogo de telas, tempos e imagens ganha o mesmo peso que as palavras)

silêncio (série social poems, 2016)

Será que perdemos capacidade de silenciar? De ouvir o outro

e estabelecer uma hierarquia entre o que deve ou não

ser partilhado em voz alta?

Poema Silêncio | Andréa Catrópa